Profissionais

Clínicas

Academias

Farmácias

Óticas

Produtos e Equipamentos

Laboratórios
 

 

 

 

 



Dr. Júlio Azenha Filho

Angiologista
Cirurgião Vascular

 

 

   

   O Sistema Circulatório

   Com o objetivo de ajudá-lo(a) a compreender como surgem as varizes e como evitá-las e tratá-las. seguem aqui, de modo sucinto, informações sobre o sistema circulatório:
O coração, que funciona, como uma bomba, ativando a circulação sanguínea por todo o corpo;
As artérias, por onde circula o sangue do coração aos vários órgãos;
Os capilares, que formam uma rede de pequenos e estreitos vasos, onde ocorrem as trocas de substâncias entre o sangue e os tecidos;
As veias, que transportam de volta para o coração o sangue que circulou por todo o corpo.

   Assim Funcionam as veias

   O retorno do sangue pelas veias das pernas para o coração é realizado sob condições adversas, uma vez que esse fluxo sanguíneo é feito no sentido contrário ao da gravidade, isto é, de baixo para cima.

   Entretanto, uma boa ajuda é dada pelos músculos das pernas que, a cada movimento, funcionam como uma "bomba", fazendo pressão sobre as veias impulsionando o sangue paia cima.

   As válvulas venosas

   
   Inúmeras válvulas, existentes no interior das veias, impedem que o sangue impulsionado para cima em direção ao coração retorne, desde que elas tenham capacidade de se fechar.
   

   Quando esse mecanismo valvular, ou seja, o seu fechamento está prejudicado, ocorrem as varizes, pois o sangue vai se congestionando nas veias, podendo atingir os
mais finos vasos capilares e até mesmo ocorrer um extravasamento de líquido para o tecido, que se tornará inchado, isto é edemaciado.
   A parede das veias são finas e não suportando mais o aumento da pressão do sangue, dilatam-se e, conseqüentemente, agravando ainda mais a incapacidade das válvulas venosas fecharem-se concretamente.

   As possíveis causas das varizes

   
   A causa mais comum de varizes é uma tendência à  "fraqueza nas veias", principalmente em mulheres.É comum o seu aparecimento durante a gravidez e em situações que exijam uma longa permanência de pé ou sentado, pois o sistema venoso fica sobrecarregado.

   Veias dilatadas e o edema são os sinais mais evidentes de varizes.

   Varizes - devem ser levadas a sério

   
   O aparecimento de varizes provoca sintomas desagradáveis - cansaço e queimação constantes das pernas e pode acarretar complicações adicionais – úlceras de pernas e flebites (inflamação das veias).

   Nos casos mais severos há a possibilidade de formação de coágulos que, na pior das hipóteses, podem causar uma grave doença – embolia pulmonar.

   Existem, portanto, bons motivos para levar a sério uma doença nas veias e começar, bem cedo. um tratamento direcionado.

AS DOZE REGRAS RECOMENDADAS

   Algumas medidas gerais- As Doze Regras Recomendadas - são muito importantes para você que tem varizes:

Evite ficar de pé ou sentado (a) por mais de uma hora. Neste meio tempo, dê alguns passos ou faça exercícios, ficando na ponta dos pés. A atividade da musculatura das pernas promove um melhor fluxo do sangue nas veias.
Use sapatos adequados com salto baixo. Saltos acima de 6 cm são extremamente prejudiciais para as veias e as pernas. Por outro lado, andar descalço é bastante saudável.
Se suas pernas estiverem inchadas, mantenha-as em posição elevada durante a noite. Para isto, utilize um calço de mais ou menos 10cm sob os pés da cama. Durante o dia, sempre que possível, coloque seus pés para cima.
Massageie suas pernas com uma ducha – principalmente os pés e a barriga da perna – com água não muito fria, duas ou mais vezes ao dia, por alguns minutos. Quanto mais longa e mais freqüente for a ducha, melhores efeitos serão observados.
Pratique esportes. Caminhar, andar de bicicleta ou nadar são os mais adequados. Evite esportes com alto índice de acidentes ou com movimentos abruptos.
Beba pelo menos 2 litros de água por dia, principalmente nos dias quentes. Evite água mineral com alto teor salino.
Sempre que possível, evite se expor a temperaturas elevadas. Procure ambientes frescos. Sauna, banhos quentes e sacos de água quente são inconvenientes.
Evite levantar peso e tudo que tenha a ver com fazer força.
Se você é obeso[a] procure se livrar de alguns quilos extras, pois, cada quilo a mais, pode sobrecarregar suas veias já enfraquecidas.
Anticoncepcionais ou quaisquer outros medicamentos só devem ser tomados sob prescrição e controle médico regular.
Se surgirem dores musculares que durem mais que 2 dias, tosse, falta de ar, tontura, procure, imediatamente seu médico.
Faça, regularmente, exercícios para as pernas, pois eles melhorarão a circulação dos membros inferiores.

   A Importância do uso de Meias Elásticas

   
   O uso de meias elásticas é um tratamento simples e eficiente.
   Através da pressão das mesmas sobre as veias, estas são comprimidas, fechando as válvulas das veias, normalizando o retorno venoso e trazendo, assim, alívio à dor e ao desconforto das pernas, além de promover o desaparecimento dos edemas.
   Seu médico lhe indicará o tipo mais adequado a seu caso.