Profissionais

Clínicas

Academias

Farmácias

Óticas

Produtos e Equipamentos

Laboratórios
 

 

 

 


Dra. Rossene Ribeiro Gracie
 
Médica - Angiologia e Cirurgia Vascular

 

  
   A Trombose Venosa Profunda (T.V.P.) é uma doença grave potencialmente fatal, que se caracteriza pela formação de trombos (coágulos) no interior das veias profundas da perna e do braço. Pode ser acompanhada por uma série de condições médicas, principalmente no pós-operatório e eventualmente afetar pessoas sadias.

   A T.V.P. pode determinar conseqüências graves a curto e longo prazos:

   Curto prazo: embolia pulmonar, que é o deslocamento de um pedaço do coágulo formado dentro das veias profundas atingindo os vasos sanguíneos do pulmão. Dependendo do tamanho da área atingida pelo coágulo, a pessoa pode até falecer.


São vários os fatores para o desenvolvimento da T.V.P. Esses fatores podem ser individuais e haver situações de risco tromboembólico.

Fatores Individuais:
 

Varizes

Terapia de reposição hormonal e uso de anticoncepcionais

Idade superior a 40 anos

Obesidade

Gestação

Câncer

Indivíduos que já tiveram trombose



Situações de risco:
 

Traumatismos

Cirurgias prolongadas

Anestesia geral

Imobilização por grandes períodos

Hospitalização prolongada

Doenças cardíacas ou respiratórias graves

Infecção grave


   Uma pessoa pode apresentar T.V.P. quando houver dor, inchaço, endurecimento, aumento da temperatura ou alteração de cor (azulada) na perna ou no braço.

   Quando isso ocorrer é fundamental procurar um angiologista para selar o verdadeiro diagnóstico.

   A profilaxia deve ser realizada e hoje existem métodos físicos, mecânicos e medicamentosos que podem ser usados, dependendo do risco tromboembólico individual.

   Toda vez que você se submeter a alguma dessas situações de risco citadas anteriormente, procure seu médico e peça a ele para avaliar o seu risco tromboembólico.


   A avaliação é simples e sua prevenção também.

   A profilaxia da T.V.P. pode salvar sua vida!